segunda-feira, 24 de março de 2014

NATÁLIA JOÃO

Os anjos nunca têm asas e nem sequer precisam saber caminhar para nos guardarem envoltos no conforto dos maiores afectos e nos ajudarem a cruzar os dias de uma forma feliz.
Os anjos ensinam-nos a linguagem perfeita do amor.
Os anjos são mestres, lutadores, destemidos heróis e guerreiros da fé que buscam todos os horizontes e que jamais aceitam os maus destinos como inevitáveis.
Os anjos alimentam-nos da força que transporta os sonhos desde a utopia até à expressão de uma vontade possível.
Os anjos desconhecem a cor da distância e perpetuam-se junto a nós pela força com que nos querem.
Os anjos são poetas que sabem ler a nobreza que existe escondida nos detalhes mais pequenos e mais simples dos dias.
Os anjos sorriem com o olhar, fazem-nos sorrir também a nós e abraçam-nos pelas palavras temperadas de uma inigualável doçura.
Os anjos inspiram-nos a ser maiores, coerentes, honestos, generosos, autênticos, bons, verdadeiros…
Natália, no dia em que cumpres sessenta anos, eu poderia dizer que és uma das amigas mais especiais que guardo na vida, mas isso saberia definitivamente a muito pouco.
Natália…
Os anjos são pessoas como tu.
Um beijo

Sem comentários:

Enviar um comentário